DISTRITO FEDERAL, Brasília - É com pesar que o Ministério da Cultura recebeu a notícia do falecimento de João das Neves, aos 84 anos.

Foto: divulgação/MinC

Importante liderança teatral no país, João integrou os Centros Populares de Cultura (CPC) e foi um dos fundadores do Grupo Opinião.

O artista se dedicou por mais de 60 anos à cena teatral brasileira, como diretor, dramaturgo, ator e escritor. Entre suas principais obras, se destacam: "A saída, onde fica a saída?" (1967), "Jornada de um imbecil até o entendimento" (1968), "A esquerda, vou ver" (1968), "O último carro" (1976), Tributo a Chico Mendes" (1989), "Besouro cordão de ouro" (2006), "Galanga — Chico Rei" (2010), "As polacas" (2010), "A Santinha e os congadeiros", "Aos nossos filhos", "Madame Satã" (2015) e "Bonecas quebradas" (2016).

O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, manifesta sinceros sentimentos de pesar à família, amigos e admiradores de João das Neves.

Fonte: MinC

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31