RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - Patrocinador oficial da 14ª Festa Literária Internacional de Paraty (Flip 2016), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) promoverá nesta edição visitas guiadas a pé pelo centro histórico, destacando os principais monumentos do patrimônio local, entre eles a Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios e a Praça da Matriz, restauradas com apoio de R$ 2,1 milhões do BNDES. A Flip começa na quarta-feira, 29 de junho, e prossegue até domingo, 3 de julho.

Durante o city tour, de aproximadamente uma hora e meia de duração, os guias abordarão a história do município, seus ciclos econômicos, cultura, tradições, a influência da maçonaria, costumes, festas e eventos locais, ressaltando detalhes da arquitetura e simbologia da sociedade colonial. Patrimônio nacional e candidata a patrimônio da humanidade, Paraty mantém preservado seu conjunto arquitetônico colonial, composto por cerca de 450 casas dos séculos 18 e 19, emoldurado pelas Montanhas do Parque Nacional da Serra da Bocaina com sua exuberante Floresta Atlântica.

Igreja histórica
A Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios começou a ser construída em 1787 e foi inaugurada em 1873, com as torres inacabadas, como permanecem até hoje. Tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 1962, a igreja foi restaurada entre 2009 e 2011, com apoio de R$ 1,4 milhão do BNDES. Além do prédio e de seus elementos artísticos, como imagens, altares e pintura das paredes, o Banco apoiou a recuperação de seu entorno, com R$ 700 mil para a revitalização da Praça da Matriz, entregue também em 2011.

Principal apoiador do patrimônio histórico, arquitetônico e cultural do País, o BNDES contribuiu para a preservação e restauração de mais de 170 monumentos entre 1997 e 2015.

Durante a Flip, será realizada na Igreja Matriz uma etapa do Circuito BNDES Música Brasilis, que tem como objetivo o resgate e a difusão de repertórios brasileiros de todos os tempos. Nesta edição, será apresentado o espetáculo Cartas Leopoldinas, com a participação da cravista Rosana Lanzelotte, idealizadora do projeto, do violinista Felipe Prazeres e da atriz Carol Castro, que recitará cartas da imperatriz Leopoldina a dom Pedro I.

Cadeia produtiva do livro
O apoio do BNDES à cadeia produtiva do livro não se restringe ao patrocínio a eventos literários: desde 2009, quando incluiu o setor editorial entre os financiáveis pelo Programa BNDES para o Desenvolvimento da Economia da Cultura (BNDES Procult), o Banco aprovou para editoras e livrarias mais de R$ 1,4 bilhão, o que representa 40% do total aprovado pelo Procult no período. Foram, no total, 32 operações de crédito, sendo R$ 360 milhões para livrarias e o restante para editoras.

Às operações de financiamento, o BNDES soma o patrocínio direto a eventos como a Flip, que fomentam a cadeia produtiva do livro por meio do incentivo à leitura e à formação de novos leitores. Para ações de patrocínio a festivais de música, cinema e literatura, o BNDES desembolsou, no ano passado, R$ 36 milhões (sendo R$ 5,9 milhões para dez projetos literários), patamar que deve ser mantido este ano. São recursos incentivados por meio da Lei Rouanet e investimento direto do Banco.

Além da Flip, contam com apoio do BNDES eventos como a Festa Literária das Periferias (Flupp), que acaba de receber o prêmio Excelent Awards no concurso internacional The London Book Fair, como melhor festival literário de 2015, em que a própria Flip também representou o Brasil. O prêmio é disputado anualmente pelos grandes festivais literários do mundo, sendo considerado o segundo maior mercado global para negociação, venda e distribuição de tudo o que envolve contar uma história.

SERVIÇO
Visitas guiadas ao centro histórico de Paraty
Quando: quinta-feira, 30, às 16h30*; sexta e sábado, 1º e 2 de julho, às 11h30* e às 16h30*; domingo, 3 de julho, às 11h30*
Onde: saída do estande do BNDES na Flip
(*) As senhas para participar serão distribuídas 15 minutos antes do início do passeio
Circuito BNDES Música Brasilis – Cartas Leopoldinas
Quando: quinta-feira, 30, às 20h30.
Onde: Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Remédios.

Fonte: BNDES

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31