RIO DE JANEIRO, Niterói - Com os pés descalços em campos de terra. É desta forma que muitas crianças se divertem jogando as famosas 'peladas'. E foi assim também que muitos craques brasileiros deram seus primeiros chutes na bola. No entanto, isso não acontece só aqui.

"Geração Futebol"Essas cenas se repetem nas periferias de vários países e serviram de inspiração para o fotógrafo francês Pierre-Emmanuel Urcun, que trabalha com projetos educativos pelo mundo. Ele passou dez anos viajando, do Rio aos subúrbios de Paris, passando por Dakar, em Cabo Verde, e Martinica, no Caribe, entre outras cidades. E em cada etapa da viagem capturava imagens completamente informais de pessoas jogando futebol.

O esporte foi o pano de fundo do artista para retratar o sonho desses jovens de se tornarem jogadores profissional. O resultado – 14 retratos de jovens carentes que têm em comum a paixão pelo futebol – poderá ser conferido na exposição “Geração Futebol” que a Aliança Francesa de Niterói, em Icaraí, recebe até 30 de julho.

“O futebol é apenas um pretexto, meu interesse é a juventude. E o futebol dá a essas crianças o direito de sonhar. Eles ficam felizes quando jogam. Eles sonham em ser Ronaldinho, em ser como seus ídolos”, diz Urcun. “Eu faço as fotos e ensino as crianças a fotografarem também. É sempre um aprendizado, uma troca muito importante”, conta o fotógrafo que comanda uma oficina de audiovisual no Instituto Diambars. A ONG trabalha com crianças carentes no Senegal e foi fundada pelos ex-jogadores Bernard Lama, Patrick Vieira, Jimmy Adjovi-Boco e Saer Seck.

"Geração Futebol"Serviço:
Aliança Francesa de Niterói
Rua Lopes Trovão, 52 (2ª andar) em Icaraí.
Mais informações:(21) 2610-3966.
A entrada é gratuita.

Fonte: divulgação por e-mail

 

 

 

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31