MINAS GERAIS, Belo Horizonte - A Revista da UFMG, publicação que aborda temáticas específicas numa perspectiva interdisciplinar, acaba de lançar seu 24º volume.

Afloramentos rochosos, no Parque Nacional da Serra do Cipó, em ensaio de Paulo Baptista (crédito: Paulo Baptista)

Editado pelo professor João Antonio de Paula, o número tem como tema Utopias e relembra os 500 anos da obra homônima do filósofo inglês Thomas More.

No editorial da revista disponível em versão digital, João Antonio de Paula explica que “as utopias são a permanente chama que nos leva, mesmo nas circunstâncias mais difíceis, e sobretudo nelas, a acreditar que a vida, individual e coletiva, pode ser melhor, ser promessa de felicidade” .

A publicação é aberta com o texto A força utópica do messianismo político de Ernst Bloch, de Hudson Mandotti de Oliveira, que analisa os elementos constitutivos presentes na Filosofia da Esperança Blochiana; e Utopias, distopias e o jogo da criação de mundos, em que Andityas Soares de Moura Costa Matos aborda a utopia em interface com o cinema e a literatura no contexto contemporâneo.

A revista se divide em dois grandes temas: Utopia, literatura e artes e A utopia mobilizando desejos de transformação social. Cada uma reúne cinco textos. A primeira parte "viaja" pela Europa do século 17, as mudanças da utopia e o surgimento da distopia no século 20, a idealização das Amazonas e da floresta tropical e uma comparação entre o álbum contemporâneo Clockwork angels, da banda Rush, e a obra Cândido, de Voltaire.

Múltiplas utopias
Na seção Entrevista, a curadora Marília Andrés Ribeiro conversa com Jayme Reis, artista itabirano que usa o fogo como matéria-prima. Já a segunda parte aborda a relação entre utopia e psicanálise, o papel da utopia nos movimentos sem-terra, o emprego do termo na arquitetura, a idealização do Projeto Manuelzão como proposta de transformação do Brasil e a premissa de que toda cidade pode ser vista pela dimensão da utopia. O número é finalizado com o ensaio fotográfico Paisagens da Serra do Espinhaço, de Paulo Baptista.

A Revista UFMG pode ser acessada em seu site, onde estão disponíveis também as edições anteriores.

Fonte: UFMG

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31