DISTRITO FEDERAL, Brasília - O Museu da República (Ibram/MinC) e o Museu Histórico Nacional (Ibram/MinC) estão entre as instituições que tiveram candidaturas aprovadas para o Registro Nacional do Brasil do Programa Memória do Mundo da UNESCO.

Em reunião ocorrida nos dias 2 e 3 de outubro na Escola de Ciências da Informação da UFMG, em Belo Horizonte, o Comitê Nacional do Brasil do Programa Memória do Mundo da UNESCO – MoWBrasil aprovou dez (10) das vinte e duas (22) candidaturas ao Edital MoWBrasil 2017 para serem inscritas no Registro Nacional do Programa.

A Coleção Família Passos, do Museu da República e Registros Iconográficos Da Revolta Da Armada (1893-1894), do Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro, Instituto Moreira Salles e Museu Histórico Nacional estão entre os aprovados.

Criado pela UNESCO em 1992, o Programa Memória do Mundo da UNESCO/Memory of the World – MoW reconhece como patrimônio da humanidade documentos, arquivos e bibliotecas de grande valor internacional, regional e nacional, inscrevendo-os nos registros e conferindo-lhes certificados que os identificam. Tendo como objetivo estimular a preservação e a ampla difusão desse acervo, o MoW facilita a preservação desses documentos e seu acesso, contribuindo, assim, para despertar a consciência coletiva para o patrimônio documental da humanidade.

A cerimônia de entrega dos Certificados de inscrição no Registro Nacional do Brasil do Programa Memória do Mundo da UNESCO ocorrerá em dezembro, na cidade do Rio de Janeiro.

Fonte: Ibram

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31