RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - O livro João do Rio e seus cinematógraphos: o hibridismo da crônica na narrativa da belle époque carioca, de Aline da Silva Novaes (Rio de Janeiro: Mauad X, 2015), foi um dos selecionados para a fase final do Prêmio Literário Biblioteca Nacional de 2016, na categoria Ensaio Literário – prêmio Mário de Andrade.

Publicado com recursos do Auxílio à Editoração (APQ 3), da FAPERJ, a obra apresenta a análise de uma seleção de textos publicados, de 1907 a 1910, pelo cronista João do Rio no jornal Gazeta de Notícias, na coluna Cinematographo, em que ele registrou os diferentes aspectos e consequências da modernização carioca inspirada em Paris, símbolo da modernidade na época.

Dividido em nove categorias, a iniciativa concede a autores, tradutores e projetistas gráficos um prêmio de R$ 30 mil reais para o primeiro colocado em cada categoria. Além do reconhecimento da qualidade intelectual e estética das obras publicadas em língua portuguesa, a premiação visa estimular o surgimento de novos talentos nas áreas editorial e literária.

A divulgação do resultado será feita em 17 de novembro, e a cerimônia de entrega dos prêmios está marcada para o dia 30 de novembro.

Mais informações: https://www.bn.gov.br/edital/2016/edital-publico-premios-literarios-fundacao-biblioteca

Fonte: FAPERJ

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31