RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - Durante os meses de julho e agosto, a Escola de Artes Visuais do Parque Lage, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Cultura, funcionou, excepcionalmente, em espaços extramuros, longe do Jardim Botânico onde, desde 1975, é o ponto de encontro dos principais artistas da cidade, além de fomentar importantes debates e eventos culturais.

O que seria inicialmente uma forma de dar continuidade às atividades de ensino e criação durante os meses dos Jogos Olímpicos (o palacete do Parque Lage foi sede da British House) acabou se tornando um exercício experimental para enfrentar a escala de uma cidade global do século 21 em plena reforma urbanística. O resultado dessa produção será exposto na próxima terça-feira, 30/8, no Solar do Abacaxis, dentro da Mostra Final Extramuros EAV Parque Lage. E no dia 12/9, todas as atividades de formação da EAV voltarão a funcionar no Parque Lage. Inscrições e informações no site http://eavparquelage.rj.gov.br.

No período em que esteve fora do Parque Lage, a EAV contou com a colaboração de muitos parceiros , mas, principalmente, estabeleceu uma rede de novos contatos de cooperação técnico-institucional. Entre os locais onde os professores da EAV puderam continuar recebendo seus alunos regulares, estiveram o Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ (Flamengo), a Escola de Música Villa-Lobos (Centro), o Ateliê Guto Carvalho Neto (Botafogo), a Residência São João (fazenda agroecológica no interior do Estado, em São José do Vale do Rio Preto) e o Solar dos Abacaxis (Cosme Velho).  É neste casarão histórico do bairro do Cosme Velho que os professores e alunos, com a coordenação dos curadores Bernardo Mosqueira e Ulisses Carrilho, reunirão a produção dos alunos que, como forma de dar visibilidade a novas possibilidades de ocupação artística, contarão, em breve, com desdobramentos na Biblioteca Parque da Rocinha.

Como afirma o artista Carlos Zilio , professor do Programa de Pós-Graduação da Escola de Belas-Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro (EBA-UFRJ), que participou de seminários, palestras e exposições na EAV Parque Lage em diferentes gestões: "O Rio é uma cidade que reúne natureza, cultura e convivialidade. Estas são, também, características de uma boa escola de arte. A Escola de Artes Visuais do Parque Lage soube, ao longo do tempo, ser da cidade e para a cidade.
 
Sobre o Solar dos Abacaxis
O Solar dos Abacaxis é um projeto de instituição de arte, educação, desaceleração e ativismo com o interesse de catalisar o encontro de indivíduos e grupos para construir o presente desenvolvendo maneiras originais de estar junto, capazes de criar um mundo mais justo, saudável e gostoso.

O Solar que dá nome e sede à instituição fica no bairro do Cosme Velho, no Rio de Janeiro, e é composto por um edifício neoclássico construído em 1843 e uma exuberante floresta de 5 mil metros quadrados. O imóvel está vazio há quase dez anos, tem mil metros quadrados de área construída e mais mil metros quadrados de área externa além da mata.

O Solar dos Abacaxis, que é tombado pelo INEPAC (Instituto Estadual de Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro), talvez tenha sido o primeiro edifício neoclássico projetado por um brasileiro, o arquiteto José Maria Jacinto Rebelo, um dos principais discípulos de Grandjean de Montigny.
 
Hoje em dia, o Solar é de posse dos bisnetos de uma antiga dona, Anna Amélia de Queiroz Carneiro de Mendonça, responsável pela adição dos abacaxis nas sacadas da fachada e uma liderança feminista histórica no Brasil, que fundou a Casa do Estudante, a maternidade Pro-Matre e representou o Brasil num congresso feminista em Istambul, para onde voou em um zepelim no começo do século XX. Anna Amélia escreveu, em 19**, o poema "Utopia" sobre o Solar dos Abacaxis, que começa com os seguintes impressionantes versos: "Essa casa vai ser algum dia/ um centro da ciência e da arte/ um refúgio da história e da poesia/ onde os jovens virão sonhar, (...)".

O projeto para o Solar dos Abacaxis envolve espaços para exposições, ateliês e residências, salas para ensaios e apresentações, escola em turno invertido para crianças, cursos livres para jovens e adultos, cozinha-escola para investigar cultura gastronômica e um parque-jardim para práticas ligadas ao meio ambiente. O projeto de restauro do Solar dos Abacaxis, desenvolvido pelo Estúdio Chão e parceiros, constrói uma casa sustentável, com reaproveitamento da água da chuva, energia Solar (praticamente um trocadilho) e com climatização e iluminação quase sempre naturais.
 
Todas as atividades do Solar são completamente interligadas e se põem sempre a discutir simultaneamente os mesmos assuntos em ciclos de quatro meses. Os povos indígenas, a cultura negra e de terreiro, o feminismo, as lutas sociais pelos direitos LGBT, o antropoceno e as questões de meio-ambiente e saúde, a produção cultural dos subúrbios e periferias, o pós-colonialismo e relações internacionais sul-sul, as redes sociais e a ciberdemocracia, o amor livre e as novas famílias, a permacultura e as novas comunidades não-urbanas e os estudos experimentais de arquitetura e urbanismo são alguns exemplos do que será a base política e conceitual desse novo espaço.
 
Serviço da Mostra Final Extramuros EAV Parque Lage
Dia: 30/08 (terça-feira)
Horário: das 12h às 22h
Local: Solar dos Abacaxis (Cosme Velho)

Professores
Analu Cunha; Brígida Baltar; Efrain Almeida; João Magalhães; Magno Caliman; Marcelo Campos; Sonia Salcedo; Suzana Queiroga; Valerio Montani.

Participantes
Alexandre Brasil
Alfa Maria Siqueira
Aline Grain
Amanda Devulsky
Amarilis
Analia Carvajal
André Scient
Antonio Pedro Tebyriçá
Bernardo Girauta
Carlos Fernando Macedo
Cristiana Tavares
Débora Guimarães
Danielle Cukierman
Eduardo Scatena
Ellen de Carvalho
Evandro Oliveira
Fábio Kerr
Flávio Santoro
Gabriela Mureb
Garna Kfuri
Geórgia Goldfarb
Gilberto Martins
Gloria Mota
Gustavo Matos
Henrique Kalckmann
Igor Nunes                        
IMT (Isis Mendes Tavora)
Ines Pereira
Irlene Leal
Istefania Rubino
João Duarte
João Pacca
João Wladimir Bernardes
Kayky Farias
Laura Zimmermann
Lis Horta Moriconi
Livia Deschermayer  (ainda depende de projetor)
Luciana Gaspar
Ludmilla Fonseca
Luisa Lemgruber
Luiz Felipe Guaycuru
Malu Laet
Marcella Araujo
Maria Baigur
Maria Costa
Mariana Magalhães Costa
Marilene Nacaratti
MarQo Rocha
Marta Bonimond
Martha Niklaus
Mateus Lobo
Mateus Maia
Milena Soares
Nicolas  Sasso
Nildete Gomes
Rachel Aisengart
Raquel Carvalho Vieira
Regina Cabral de Mello
Renata de Azevedo
Renata Nassur
Roberta Haagensen
Roberta Link
Rosana Diuana
Sophia Fragelli
Tânia Veiga
Verônica Camisão
Victor Lorenzetto
Votor Camanhaque
William Maia

EAV Parque Lage
Rua Jardim Botânico, 414
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Tel.: 3257-1800

Contatos do Ensino
Ulisses Carrilho: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Renan Lima: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
EAV de Janeiro ? RJ

Fonte: SEC RJ (Colaboração de Sandra Menezes)

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31