RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - Estreou nesta terça-feira (13/4) a versão virtual da exposição “Os Primeiros Brasileiros”. 


Fonte: https://osprimeirosbrasileiros.mn.ufrj.br/pt/

Painéis históricos, músicas, filmes e fotografias que registram a diversidade e as narrativas dos povos indígenas puderam ser reunidos porque escaparam do incêndio no Museu Nacional. Concebida pelo antropólogo João Pacheco (Museu Nacional/UFRJ) em parceria com a Articulação dos Povos e Organizações Indígenas do Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo (Apoinme), a mostra já foi apreciada por mais de 250 mil pessoas. Em 2018, quando ocorreu o incêndio no Museu Nacional, a coleção estava no Memorial dos Povos Indígenas, em Brasília.

A exposição, que reúne 180 imagens de materiais históricos e contemporâneos, 12 trilhas sonoras e cinco filmes, compõe ambientes apresentados em quatro momentos: o primeiro encontro; a armadilha da colonização; o mundo indígena; e as formas contemporâneas de cidadania. Um dos diferenciais desta edição é o maior espaço dedicado a narrativas e representações indígenas contemporâneas, seja por meio de vídeos-depoimentos ou galerias com imagens dos diversos povos.

Outro destaque é a oferta de um “Guia Didático para Educadores”, com referenciais teóricos e sugestões de atividades práticas, que poderão ser desenvolvidas em salas de aula físicas ou digitais. A FAPERJ apoia um número importante de pesquisas realizadas no Museu Nacional.

Mais informações: www.osprimeirosbrasileiros.mn.ufrj.br

Fonte: FAPERJ

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31