DISTRITO FEDERAL, Brasília - Já está quase tudo pronto para o início da obra. A restauração da Fonte do Tambiá, localizada no Parque Arruda Câmara, em João Pessoa (PB), e a requalificação do entorno do bem - tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) - devem ter início ainda este ano.


Projeto de restauro prevê, entre outras ações, intervenções arquitetônicas, funcionais, paisagísticas, estruturais e de pavimentação (Foto: Acervo Iphan)

O projeto prevê, entre outras ações, intervenções arquitetônicas, funcionais, paisagísticas, estruturais e de pavimentação. A execução dos serviços será realizada de acordo com a proposta apresentada após a assinatura de um Termo de Compromisso com o Iphan.

“Atualmente a fonte se encontra isolada e escorada devido ao desabamento parcial ocorrido em 2011 que causou a queda de parte do nembo e a perda de sua funcionalidade temporariamente. Agora, ela se encontra parcialmente soterrada e com sérios problemas de impermeabilização do solo. Isso tem provocado a passagem de água sem controle e o enraizamento de árvores por todo o seu sistema hidráulico. As obstruções identificadas dificultam o trabalho de manutenção”, conta a arquiteta e urbanista da Divisão Técnica do Iphan-PB, Ana Luiza Schuster da Costa.

Após a restauração, a fonte voltará a funcionar com a fruição de água por suas três bicas. O espaço será aberto para o acesso dos visitantes e os interessados poderão voltar a contemplá-la em um ambiente mais acessível.

“O atual Parque Zoobotânico Arruda Câmara é lugar de memória para várias gerações de cidadãos pessoenses e a Fonte exerce papel especial nessas recordações”, ressalta a arquiteta e urbanista do Iphan-PB.

Fonte do Tambiá
Despontando logo na entrada e considerada o coração do Parque Arruda, a Fonte do Tambiá foi um dos principais meios de abastecimento de água da cidade de João Pessoa (PB), desde a sua fundação, até quando foi substituída pelo abastecimento de água encanada na década de 1920.

A história aponta que desde 1736, a administração pública faz notas à recuperação da Fonte do Tambiá por ser de grande utilidade à população. No entanto, a historiografia apresenta mais uma data de construção, 1782, havendo uma reconstrução em 1889, quando recebeu seus traços atuais.

Seu entorno, no entanto, recebeu maiores investimentos a partir de 1922, quando o Parque Arruda Câmara foi inaugurado e se tornou um local de lazer para a sociedade paraibana.

Desde 2010, a Prefeitura Municipal de João Pessoa, responsável por sua administração, vem executando etapas sucessivas de renovação e requalificação de todo o parque, atendendo normas técnicas para melhor convivência e atualização e ampliação das estruturas de visitação.

Fonte: Iphan

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31