BAHIA, Salvador - O Instituto Geográfico e Histórico da Bahia e a Assembleia Legislativa do Estado da Bahia promovem nesta quarta (29 de janeiro), às 17h, o lançamento do livro Consuelo Pondé de Sena (in memoriam), editado pela ALBA e organizado pelo professor e ex-orador oficial do IGHB, Edivaldo Machado Boaventura (falecido em 22/08/2018).

O evento será antecedido por uma breve saudação do vice-presidente José Nilton Carvalho Pereira.

“O presente livro representa o ressarcimento de verdadeira dívida de honra assumida pelos amigos e discípulos de Consuelo Pondé de Sena, enquanto ela exerceu, com excepcional brilho, a Presidência do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia”, declara no prefácio, o presidente de honra da Casa da Bahia e ex-governador, doutor Roberto Figueira Santos.

A publicação reúne textos de homenagens, artigos, entrevistas, depoimentos, discursos, síntese biográfica, além de galeria de fotos, que ilustra a trajetória da professora. O texto de apresentação do organizador destaca a importância da historiadora nas atividades diárias do IGHB e em benefício da cultura do Estado, sobretudo em defesa da história, da geografia e do patrimônio da Bahia, a exemplo dos festejos do 2 de julho. “Consuelo reabilitou a Casa da Bahia em todos os sentidos. Eu costumava dizer, emblematicamente, que ela governava da cúpula aos porões. Lutou tenazmente pela preservação do patrimônio de pedra e cal e pelo patrimônio imaterial. Desejou construir o Memorial do 2 de Julho com o Caboclo e a Cabocla”.

Edivaldo Boaventura, em um dos depoimentos, ainda relata. “Em uma palavra, a liderança feminina, a obra da universitária e o público que a acompanha nos postos de sua vigência intelectual tornaram Consuelo Pondé de Sena uma das mais expressivas mulheres baianas da contemporaneidade”.

O presidente do Instituto, Eduardo Morais de Castro, acrescenta que Consuelo Pondé jamais se negou a informar, esclarecer, ensinar, transmitir tudo de bom que amealhou nos 19 anos que esteve à frente da instituição mais antiga do Estado em funcionamento ininterrupto. “Se hoje temos o IGHB de portas abertas aos pesquisadores, público em geral, mantido e ampliadoos estudos e registros sobre a Geografia, História e Ciências afins, agradecemos a Consuelo Pondé de Sena”.

A publicação terá distribuição gratuita no dia do lançamento. O IGHB é uma das instituições apoiadas pelo programa Ações Continuadas a Instituições Culturais, iniciativa da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) através do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA). Funciona de segunda a sexta, das 13h às 18h e está situado na Piedade (Avenida Joana Angélica, 43).

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA)
Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Cultural e Editais Setoriais. Para mais informações, acesse: www.cultura.ba.gov.br

Serviço
29 de janeiro, às 17h – Lançamento do livro “Consuelo Pondé de Sena, in memoriam (organizado por Edivaldo Machado Boaventura).
Edição: ALBA (Assembleia Legislativa da Bahia), 370p.
Distribuição gratuita no dia do lançamento
Local: IGHB – Avenida Joana Angélica, 43 – Piedade

Fonte: Secult BA

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30