ESPÍRITO SANTO, Vitória - Quem tem curiosidade de saber como eram os municípios capixabas em pleno século XIX, na época do Império de Dom Pedro II, poderá ter acesso a imagens desta época e conhecer um pouco da história e da própria fotografia do Espírito Santo.

É o que propõe o livro "Victor Frond - 1860: uma aventura fotográfica pelo itinerário de D. Pedro II na Província do Espírito Santo", de Cilmar Franceschetto. O lançamento será na próxima quarta-feira (01), no Museu da Vale, a partir das 19h. Na ocasião também haverá uma exposição com algumas das primeiras fotografias feitas no Estado. A entrada é franca.

A publicação é um estudo detalhado sobre a visita do fotógrafo francês Victor Frond, contratado pelo governo imperial, para excursionar pela então Província do Espírito Santo, em 1860, ocasião em que produziu as primeiras fotografias por estas terras capixabas, no total de 16 registros. Segundo o autor do livro, Cilmar, que é diretor Geral do Arquivo Público do Estado do Espírito Santo (APEES), a obra é recheada de particularidades sobre a visita do francês: datas da chegada e da partida; os locais registrados e onde montou sua câmera; as técnicas, equipamentos e produtos químicos utilizados; o horário da captura das imagens e muito mais.

“O livro conta os caminhos percorridos, e os encontros e desencontros dele com os capixabas, enfim, como surgia e se disseminava essa "nova arte" entre os brasileiros e, especialmente, como se deu o pioneirismo de Victor Frond ao realizar as primeiras fotografias do Espírito Santo” destaca Cilmar.

O autor
Graduado em Comunicação Social - Jornalismo/Fotografia - pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Cilmar Franceschetto, atuou como fotógrafo a partir de 1990, realizando pesquisas e exposições sobre a antropologia visual da imigração no Espírito Santo. É autor dos livros: "Imigrantes: base de dados da imigração estrangeira no Espírito Santo nos séculos XIX e XX"; "Italianos: base de dados da imigração italiana no Espírito Santo nos séculos XIX e XX", de 2014. É coautor do livro "Lembranças Camponesas: a tradição oral dos descendentes de italianos em Venda Nova do Imigrante", de 1992 e Coordenador editorial da Coleção Canaã, com 20 títulos editados.

Além de  diretor Geral do Arquivo Público (APEES), Cilmar é um dos idealizadores do "Caminho do Imigrante" e do "Arquivo Itinerante", sendo o responsável pelas pesquisas para o Projeto "Imigrantes Espírito Santo", desde 1995. É membro do Instituto Histórico e Geográfico do Espírito Santo - IHGES e Conselheiro do Com.It.Es- Comitê dos Italianos no Exterior, (Espírito Santo - Rio de Janeiro).

Serviço
Exposição de fotos e Lançamento do livro de “Victor Frond - 1860: uma aventura fotográfica pelo itinerário de D. Pedro II na Província do Espírito Santo”
Data: Quarta-feira, 01 de junho
Horário: 19 horas
Local: Museu da Vale, São Torquato, Vila Velha.
A exposição fica em cartaz até 30 de julho
Entrada Franca

Fonte: Secult ES

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31