MINAS GERAIS, Belo Horizonte - Belo Horizonte vai respirar arte no fim de semana. Neste sábado (18), de 11h às 18h, a capital mineira vai sediar o 1° Circuito 10 Contemporâneo, que envolve dez galerias de arte da cidade na realização de exposições com entradas gratuitas.

O 10 Contemporâneo é um movimento criado pelas galerias AM Galeria, dotART, Beatriz Abi-Acl, C. Mafra, Celma Albuquerque, Lemos de Sá, Manoel Macedo, Murilo Castro, Orlando Lemos e Quadrum Galeria de Arte para promover o mercado de arte contemporânea de Belo Horizonte. A iniciativa pretende fortalecer a produção artística local e contribuir para a formação de público.

Essa é a primeira de muitas ações que o grupo planeja, e a previsão é que o circuito de arte contemporânea aconteça ainda mais quatro vezes ao longo deste ano. Para o diretor artístico da dotART, Wilson Lázaro, o 10 Contemporâneo marca um novo momento no cenário de arte belo-horizontina. “Nosso caminho é apostar, investir e acreditar no nosso olhar, acreditar nos nossos artistas e convencer os clientes que arte é um bom desejo, um bom sonho. E um bom negócio”, avalia Wilson Lazaro.  

Confira a programação e o endereço de cada uma das galerias participantes:

AM Galeria de Arte:
Exposição individual da artista mineira Leonora Weissmann - Estranho mundo próximo. São cerca de 20 trabalhos inéditos, entre pinturas, objetos, projeção de slides, cujo tema gira em torno da família e das relações afetivas mais próximas da artista.
Local: Rua do Ouro, 136, Serra, Belo Horizonte/MG

Obra de Leonora Weissmann exposta na AM Galeria de Arte

Galeria,Beatriz Abi-Acl
A Galeria de Arte inicia suas atividades em 2017 apresentando ao público a exposição ONTEM E HOJE.
ONTEM é um tributo a grandes nomes que revolucionaram as artes plásticas: Álvaro Apocalypse, Amílcar de Castro, Ana Horta, Caribé, Chanina, Herculano Campos, Júlio Espíndola, Mário Bhering, Rui Santana, Sânzio Menezes, Sara Ávila, Terezinha Veloso e Wilde Lacerda.  HOJE reúne obras de três artistas contemporâneos que utilizam elementos, temáticas e técnicas que reportam à arte no passado: Assunção Madureira, Attílio Colnago e Leny Hipólito.  
Local:Rua Santa Catarina, 1155, Lourdes, Belo Horizonte/MG

C. Mafra
Timeline – Linha do tempo apresenta várias fases e momentos vividos na arte fotográfica do Studio Cícero Mafra. As mídias são pequenas mostras da sequência de autorais vividas, fotografadas, editadas e impressas pelo próprio Studio durante os últimos 7 anos.
Local:Rua Xingú, 487, Santa Lúcia, Belo Horizonte/MG

Celma Albuquerque
Duas exposições compõem a mostra. A coletiva Corpo presente, exposta no primeiro piso, reúne obras de sete artistas representados pela galeria: Claudia Jaguaribe, Éder Santos, Flavia Bertinatto, João Castilho, Leandro Aragão, Pedro Motta, Roberto Bethônico e Rochelle Costi. A mostra discute e privilegia trabalhos que suscitam a questão da presença/ausência do corpo na produção artística.
No mezanino da galeria, Duda Moraes apresenta sua primeira exposição individual em Belo Horizonte. A jovem artista carioca traz uma série de pinturas multicoloridas que fazem referência aos elementos orgânicos presentes na natureza.
Local:Rua Antônio de Albuquerque, 885, Savassi, Belo Horizonte/MG

DotART
A mostra Pés no chão, cabeça nas nuvens traz uma leitura das repercussões da crise emocional e financeira do mercado. A exposição foi desenhada e pontuada com o acervo da dotART galeria, que apresenta artistas como Volpi, José Damasceno, Daniel Lannes, Alvaro Seixas, Pedro Varela, Marcos Chaves, Leonilson, Ruben Valentim, Anish Kapoor, Nelson Felix, Ioli de Freitas, Gilson Rodrigues, Franz Krajcberg, Cássio Vasconcelos, Janaina Tchape, José Pedro Croft, Roberto Freitas, Amilcar de Castro, Antonio Dias, Paulo Climachauska, Marina Saleme, Ana Maria Maiolino, Bruno Faria, Albert Casamada, Lygia Pape, Bruno Giorgi, Felipe Fernandes, Lívia Moura, Renata Egreja e Cildo Meireles.
Local:Rua Bernardo Guimarães, 911, Funcionários, Belo Horizonte/MG

Obra de Felipe Fernandes em exposição na Galeria dotART

Lemos de Sá
Apresentará obras que compõem o seu acervo, como esculturas, pinturas, desenhos e objetos dos artistas Amilcar de Castro, Célia Euvaldo, Pedro David, Frida Baranek, Sergio Sister, Sergio Machado, Jayme Reis, Roberto Vieira, entre outros.
Local:Av. Canadá, 147, Jardim Canadá, Nova Lima/MG
 
Manoel Macedo
Mostra coletiva do acervo - Bin-Laden-da-série-Cenas-para-uma-vida-melhor, da artista Marta Neves
Local:Rua Lima Duarte, 158, Carlos Prates, Belo Horizonte/MG

Murilo Castro
As Coletivas denominadas de “Benvinda” marcam a abertura do ano de exposições da Galeria Murilo Castro. Esta Benvinda, a Segunda Coletiva, apresenta obras de 10 artistas: Abraham Palatnik, Anna Bella Geiger, Arthur Luiz Piza, Christus Nóbrega, Gê Orthof, Isabelle Borges, José Octávio Cavalcanti, Luiz Hermano, Marcos Coelho Benjamim e Sérvulo Esmeraldo.
Local:Rua Benvinda de Carvalho, 60, Santo Antônio.

Quadrum Galeria de Arte
Mostra do acervo
Local: Avenida Prudente de Morais, 78, Cidade Jardim, Belo Horizonte/MG

Orlando Lemos
Exposição do 8º Salão dos artistas sem galeria com obras de Lula Ricardi (SP), Maura Grimaldi (SP), Jefferson Lourenço (MG), Marcelo Barros (SP), Gunga Guerra (Moçambique/RJ), Marcelo Pacheco (SP), Luciana Kater (SP), Cesare Pergola (Itália/SP), Juliano Moraes (GO) e Cristiani Papini (MG).
Local: Jardim Canadá: Rua Melita, 95, Nova Lima/MG

SERVIÇO
Evento: 10 Contemporâneo
Data: sábado, 18 de março
Horário: das 11h às 18h

Fonte: SEC MG

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31